24 de julho de 2024

Em seu primeiro dia de funcionamento aos sábados, o banco de sangue do Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) recebeu, neste sábado (22), a visita de integrantes do motoclube “Abençoados”. Cerca de 20 motociclistas doaram sangue para mostrar a importância do gesto, pois cada bolsa de sangue recolhida que pode salvar até quatro vidas. 

Líder de captação do banco de sangue do HGNI, Thaís Carvalho explica que o objetivo é transformar os sábados em um dia de grande mobilização. “Queremos que o sábado receba diversos grupos para doação. Hoje, estamos com um motoclube, e esperamos que outros grupos venham daqui para frente. Sábado, por ser fim de semana, acaba facilitando a vinda de algumas pessoas. Como somos um hospital de emergência, nossas bolsas de sangue acabam muito rápido, por isso estamos sempre precisando de doações. Atualmente, nossa necessidade é ter 70 bolsas no estoque do nosso banco de sangue”, diz Thaís.

Uma das maiores necessidades das bolsas de sangue são para traumas, principalmente para as vítimas de acidente de moto. O capelão e motociclista João Lacerda, de 60 anos, conta que a ação serviu também para conscientizar as pessoas sobre os cuidados no trânsito. “Estando em contato com os acidentados de moto dentro do hospital e, por fazer parte do motoclube, decidimos unir as duas questões. Também vamos fazer uma ação para prevenção de acidentes com moto. Estou muito feliz e grato por poder participar deste momento”, comentou João. 

Presidente nacional do “Abençoados”, Marcos Vicente, de 58 anos, diz que a doação de sangue não aconteceu somente no HGNI. “Nosso grupo foi criado há sete anos e desde então só vem crescendo. Nossa sede é em São Paulo e viemos hoje aqui para inaugurar uma filial aqui em Nova Iguaçu. Dentro do ambiente do motoclubismo, a ação social é muito comum, e achamos a doação de sangue muito relevante. Aqui temos cerca de 20 pessoas, mas outras 300 estão doando em outras cidades. Isso para mim é uma satisfação pessoal”, comenta Marcos. 

Requisitos para doar sangue

– Apresentar documento de identificação com foto;

– Ter entre 16 e 69 anos, sendo que os maiores de 60 já devem ter doado sangue em outra ocasião e estar em boas condições de saúde; 

– Pesar mais de 50 kg; 

– É contraindicada a doação quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas; 

– Não é preciso estar em jejum, mas evite alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação; 

– Quem teve sintomas de gripe ou resfriado deve aguardar dez dias após terminar o tratamento medicamentoso; 

– Pessoas vacinadas precisam esperar até 48h para fazer sua doação; 

– Quem fez tatuagem ou piercing deve aguardar até 12 meses para doar; Exceto piercing na língua ou partes genitais que estará apto para doação um ano após a retirada; 

– Diabéticos precisam estar com a glicose controlada e não fazer uso de insulina;

– Quem fez endoscopia ou colonoscopia precisa esperar seis meses; 

– Não ter doença de chagas ou infecção sexualmente transmissível; 

Serviço – Funcionamento do banco de sangue do HGNI

Dia: De segunda a sábado.

Horário: das 7h30, às 12h30.

Local: Hospital Geral de Nova Iguaçu.

Endereço: Avenida Henrique Duque Estrada Meyer, n° 953, Posse, Nova Iguaçu.