22 de julho de 2024

Policiais civis lotados na 67ª Delegacia Policial – Guapimirim prenderam em flagrante, na tarde de ontem,  .   um Homem de 29 anos acusado, pela prática do crime de ameaça – violência doméstica contra sua companheira, sendo autuado em flagrante como incurso nas penas do artigo 147 do Código Penal, na forma da Lei nº 11.340/2006 (Lei Maria da Penha).
– segundo informações do Delegado titular da unidade DR  Antônio Silvino;  A vítima e o autor viviam juntos há sete anos, tendo dois  filhos pequenos, sendo que, há cerca de três anos, iniciaram-se uma série de agressões e ameaças de morte, até que, na data de ontem, não aguentando mais a violência do companheiro, a vítima saiu de casa em companhia dos  filhos, indo para a casa da mãe dela.
– A Mulher, já havia feito. em 2019, um registro de agressão física praticada pelo companheiro, sendo o inquérito policial remetido ao Fórum desta comarca.
– Ao retornar para casa e notar a ausência da companheira, G. G. ligou para a vítima ameaçando- de morte, caso não retornasse imediatamente ao lar conjugal, dizendo que “se  você não voltar imediatamente, faço uma desgraça na tua vida … vou te matar e beber teu sangue … posso ser preso, mas você vai comer terra para sempre”.
– A vítima compareceu desesperada na sede da 67ª Delegacia Policial – Guapimirim, onde a equipe operacional denominada “Meninas Super Poderosas” entrou mais uma vez em ação, prendendo mais esse covarde metido a valentão.