18 de junho de 2024

A Secretaria Municipal de Defesa Civil esteve no Shopping Nova Iguaçu, neste domingo (29), para uma nova vistoria no maciço que cerca o estacionamento do empreendimento. O engenheiro civil responsável pela análise intimou o centro comercial a apresentar, em até 30 dias, um laudo técnico sobre a situação da Pedreira. Em função do incidente, o local onde funciona um parque de diversões está interditado.

No sábado, durante o temporal que atingiu a cidade, uma grande cascata se formou na encosta do morro e algumas pedras rolaram. Ninguém ficou ferido. Também não houve danos ao parque e aos veículos estacionados no local.

“Foi constatado um deslizamento que não afetou o shopping e o parque, e as pedras ficaram contidas na área de amortecimento, projetada para essa finalidade. Fizemos uma intimação para que o shopping apresente um laudo de estabilidade da encosta”, afirmou o engenheiro civil Rodrigo Faur de Castro, acompanhado do secretário de Meio Ambiente de Nova Iguaçu, Fernando Cid, e por agentes da Guarda Ambiental Municipal.

A Prefeitura também fez diversas ações em bairros da cidade atingidos pelas chuvas. A Secretaria Municipal de Serviços Públicos, a Companhia de Desenvolvimento de Nova Iguaçu (Codeni) e a Empresa Municipal de Limpeza Urbana de Nova Iguaçu (Emlurb) atuaram na limpeza das ruas.

Equipes das secretarias municipais de Assistência Social e Defesa Civil também estiveram nas ruas para atender famílias vítimas da chuva. Dois pontos de apoio foram montados para as pessoas afetadas. Um no CRAS Estação Morro Agudo e o outro no Campo do Cabuçu.

De acordo com o último boletim da Defesa Civil, emitido na tarde deste domingo, 41 ocorrências foram registradas em função do temporal, sendo 26 delas por alagamentos e inundações. Quatro famílias estão desalojadas. Não há, no entanto, registro de desabrigados e vítimas fatais.

Com acúmulo pluviométrico de 81mm em apenas uma hora, o bairro Moquetá, na área central da cidade, foi o mais castigado pelo temporal. O volume de água é equivalente a 26,5% da média de precipitação referente ao mês de janeiro na região. Neste momento, a cidade está em estágio de atenção devido à previsão de continuidade das chuvas nas próximas horas.

error: Conteúdo protegido !!